Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mais cedo ou mais tarde...

por Pedro Silva, em 03.01.21

cronica-nem-deu-para-aquecer.jpg

imagem retirada de zerozero

Quando questionado sobre o primeiro lugar da Liga NOS, o atleta do Futebol Clube do Porto Sérgio Oliveira disse mais ou menos o seguinte: “mais cedo ou mais tarde, vamos lá chegar”. Isto após a oitava vitória consecutiva dos Dragões na Liga NOS, marco importante mas que “nem arrefece, nem aquece” que o mesmo Sérgio Oliveira desvalorizou pois se não se revalidar o título, marcos e recordes são bonitos não servem para nada.

Isso tudo para aqui dizer que concordo com Sérgio Oliveira quando diz que o primeiro lugar da Liga NOS será do FC Porto. É uma questão de tempo e, sobretudo, de se manter e melhorar essa forma de estar em campo. Se os azuis e brancos conseguirem continuar a jogar desta forma, não complicarem o que é fácil (Sérgio Conceição dixit, novamente) e não se darem ao aso de cometer disparates tipo deixar os seus flancos completamente desertos na hora de defender uma transição rápida da equipa adversária e não surgirem lesões complicadas em jogadores ditos “nucleares” é perfeitamente possível revalidar o título.

Quanto ao jogo de hoje, sou da opinião de que o FC Porto jogou bem, mas esteve longe de ter sido perfeito. Gostei de ver a pressão que os dragões exerceram sobre a linha defensiva do Moreirense FC. E também gostei de ver a velocidade e capacidade de criação de linhas de passe de forma a que os portistas conseguissem, quase sempre, sair em velocidade para o ataque. Para mais, gostei mesmo muito de ver este FC Porto a procurar variar o seu estilo de jogo e em fazer circular o esférico por todo o relvado. Claro que durante os 90 e poucos minutos da partida momentos houveram em que a equipa pareceu perder “algum gás” e eu já aqui o disse – e repito – que gerir uma vantagem de uma bola a zero é perigoso… Tivesse o Moreirense uma linha avançada com maior qualidade e não sei se estaria aqui a dissecar um amargo empate…

Uma palavra para a equipa minhota.

Primeiro para dizer que não se percebe a razão pela qual esta equipa muda tantas vezes de Treinador ao longo da temporada. Ainda se fosse por maus resultados, entendia-se (digo eu), mas segundo o que vem a público não é esta a razão. Pelo que se vai falando “à boca cheia” tem a ver como facto de a direcção do Moreirense querer imiscuir-se à força no trabalho dos técnicos e a ser assim tal é, diga-se desde já, um profundo disparate. Especialmente se tivermos em linha de conta que os cónegos até que são uma equipa interessante que pratica bom futebol para equipa que tem como objectivo a manutenção. Isto tendo por base, obviamente, o que vi hoje.

Segundo, o Moreirense está longe de ter qualidade no seu plantel, mas bem orientado e bem trabalhado pode muito bem vir a ser uma equipa que possa lutar por algo mais do que o “meio da tabela”. Hoje vi esta mesma equipa dita “pequena” a ser inteligente e sagaz o suficiente para aproveitar os espaços que o FC Porto ia deixando em aberto na sua linha defensiva e, inclusive, vi esta mesma equipa a causar muitas dificuldades aos azuis e brancos quando descia em velocidade pelos flancos. Sinal de que este Moreirense FC não é assim tão mau como parece e que a vitória portista não terá sido assim tão simples não obstante o 3 a 0 final a favor dos azuis e brancos.

Melhor em Campo: Sérgio Oliveira. Mais uma vez o incansável médio e capitão do Futebol Clube do Porto mostra a sua enorme qualidade. Um golo, uma assistência para golo e mais de uma meia dúzia de bolas recuperadas. Isto para alé,m de ser o criador de todo o futebol ofensivo do FC Porto.

Pior em Campo: Moussa Marega. Muito trapalhão na hora de dominar o esférico quando seguia em direcção à baliza dos cónegos. Muitas vezes mal posicionado no campo, o que “travou” e fez ”abortar” os ataques promissores dos Dragões. Mau jogo do Maliano que está num mau momento de forma. Vamos a ver se recupera rapidamente desta má fase.

Arbitragem: Arbitragem tranquila a de Manuel Mota e seus assistentes. Quando o árbitro não quer ter protagonismo e procura dialogar de forma calma e assertiva com todos, tudo corre pelo melhor. Já sobre o fora de jogo por 3cm que anulou o segundo golo do FC Porto, decisão correcta sendo que o único senão a apontar é que tal não aconteça nos jogos em que os “lesados” são SL Benfica e Sporting CP (vá se lá saber porquê).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:45


Até que correu bem, mas…

por Pedro Silva, em 18.12.17

imgS620I210982T20171218230019.jpg 

imagem retirada de zerozero

 

Hoje o Futebol Clube do Porto teve pela frente uma partida onde tudo poderia ter corrido mal. Só não correu porque a equipa adversária ficou reduzida a dez elementos ainda na primeira parte do jogo e porque os madeirenses não quiseram, nunca, outra coisa senão o empate.

 

Efectivamente os Dragões não se “podem colocar a jeito” diante de equipa de valor como este Clube Sport Marítimo. Isto de o Marítimo ter equilibrado a contenda logo após ter sofrido o golo poderia ter ditado algo de muito mau para as aspirações portistas. Bem sei que conta é o resultado final e que os portistas até dominaram o jogo quase que por completo (também contra dez…), mas preocupou-me a tremenda falta de organização defensiva que este FC Porto evidenciou no lance em que sofreu o golo do empate. Onde raio esteve o meio campo azul e branco neste lance? A tomar café na esplanada? Já que rever isto Sérgio até porque nem sempre a sorte protege os audazes. Especialmente contra equipas de qualidade como este CS Marítimo.

Preocupante foi também a imensa lentidão com que a equipa portista entrou no jogo. Confesso que gosto muito mais e ver a defesa do FC Porto com Maxi dado que este traz algum equilíbrio defensivo à equipa - Maxi não sobe tanto no campo como Ricardo Pereira e Alex Telles -, mas este equilíbrio defensivo tem de ser compensado com um meio campo muito mais veloz na gestão da posse da bola sob pena de o FC Porto apresentar um futebol altamente previsível e dependente dos “rasgos individuais” da linha da frente. Por exemplo; se um colega de equipa se encontra desmarcado na faixa, porquê razão se passa sempre a bola para o centro do campo para só depois a tentar passar para uma das faixas onde dantes estaca o jogador desmarcado? Tal contra equipas, repito, de valia como o CS Marítimo pode dar muito mau resultado.

 

Felizmente João Gamboa foi imprudente e acabou expulso. Tal deitou por terra toda a estratégia maritimista que passava por empatar no Estádio do Dragão. A partir deste momento os Dragões tomaram conta do jogo e impuseram o seu futebol diante de um Marítimo que se limitou a defender.

 

Eis então que o Futebol Clube do Porto termina o ano cível de 2017 na liderança da Liga NOS. Uma liderança merecida que bem que poderia, e deveria, ser mais “gorda” não tivessem Sporting CP e SL Benfica as “ajudas do costume”. Seguem-se agora dois jogos treinos referentes à Taça da Liga. Um puro desperdício de tempo e dinheiro.

 

MVP (Most Valuable Player): Moussa Marega. È impossível não se colocar como MVP um jogador que marca três golos numa partida bem complicada. Só foi pena num ou noutro lance Marega não ter tido aquela técnica que lhe permitisse ter dado um outro fim a alguns lances promissores na área maritimista.

 

Chave do Jogo: Surgiu no minuto 39' desta partida. João Gamboa é expulso por Manuel Mota e a partir daí os Dragões tomaram conta, por completo, dos destinos da partida sendo que os madeirenses se limitaram a defender o empate que entretanto tinham alcançado.

 

Arbitragem: Boa arbitragem de Manuel Mota e dos seus auxiliares. Aqui e ali algumas falhas, mas nada de considerável. Bem na decisão de expulsar João Gamboa, que foi imprudente.

 

Positivo: A avalanche ofensiva da segunda parte. Dá gosto ir ao Estádio e ver futebol de ataque. Especialmente quando a equipá mais forte se impõe sobre a equipa mais fraca através de lances de bom futebol. A manter e a melhorar FC Porto.

 

Negativo: Horário do jogo. Jogo da Liga NOS marcado para uma Segunda-feira às 21H não só é uma estupidez como é um tremendo insulto aos adeptos que se deslocam aos estádios. Só em Portugal se assiste a tamanha palhaçada.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:55


Mais sobre mim

foto do autor


gatices


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Janeiro 2021

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Publicidade


Futebol Clube do Porto

<<

Dios falleció (RIP 25/11/2020)

<<


No a l'opressió d'Espanya!


Catalunya lliure!


Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D