Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Missão Impossível - Nação Secreta

por Pedro Silva, em 03.10.15

CARTAZ_TEASER_30CM.jpg 

AcçãoAventura, Suspense (2015) - “Mission Impossible - Rogue Nation

Realizador: Christopher McQuarrie

Elenco:  Tom Cruise, Rebecca Ferguson, Jeremy Renner

 

Sinopse: Com a IMF desmantelada e Ethan Hunt excluído, a equipa enfrenta uma rede de agentes especiais extremamente qualificados: o Sindicato. Estes operacionais altamente treinados estão determinados em criar uma nova ordem mundial através de uma série de ataques terroristas. Ethan reúne a sua equipa e junta forças com Faust, uma agente britânica excluída, que pode ou não ser membro desta nação secreta, com o grupo a fazer face à missão mais impossível de sempre.

 

Critica: Este é daqueles filmes sobre o qual não há muito a dizer. Fico deveras satisfeito que o dito não saia da linha dos anteriores e não tenha caído na tentação de tentar renovar uma ideia que só por si é perfeita. Por isto, e somente por isto, leva o meu bom (com “b” pequeno mesmo).

 

Em termos de argumento este novo episódio da “série” Missão Impossível traz-nos algo de novo em termos de temática do filme mas no resto é quase tudo igual ao que já vimos anteriormente. Alias quem assiste a este tipo de filme não espera grandes novidades pelo que este terá mesmo sido o grande trunfo de Christopher McQuarrie. É mais efeitos espaciais, actores e duplos bem treinados, muita acção e cenários maravilhosos. O normal nos filmes Missão impossível. Por isto é que eu disse anteriormente que este Missão Impossível - Nação Secreta é bom mas não “me encheu as medidas”.

 

Quanto ao elenco, já aqui o disse e repito, bem treinado e de luxo. Encarnaram bem as suas personagens e não há um único dedo a apontar a Tom Cruise e companhia. A verdade seja dita que este não é filme que exija muito dos actores do ponto de vista da arte dramática, mas também não era qualquer um que poderia ser protagonista neste Missão Impossível.

 

Por último os cenários que, mais uma vez me repito, são de uma excelência fabulosa. Apenas o de Viena acaba por pecar um pouco dado que há aqui uma certa confusão de acontecimentos que se torna um tudo ou nada complicado de acompanhar dada a falta de claridade em certas cenas. De resto nada a apontar.

 

Concluindo, recomendo este Missão Impossível - Nação Secreta. Não é nada de especial mas encanta por ser mais uma Missão impossível.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:22


28 Semanas Depois

por Pedro Silva, em 18.04.14

Terror, Thriller (2007) - 28 Weeks Later

Realizador: Juan Carlos Fresnadillo 

Elenco: Jeremy Renner, Rose Byrne, Robert Carlyle

 

Sinopse: O terror e a devastação libertados em 28 Dias Depois regressam, seis meses depois do vírus da raiva ter dizimado Londres. Com a ordem restaurada e a guerra contra a infecção ganha, o exército dos EUA aparece para ajudar a repovoar a Grã-Bretanha. Mas um dos refugiados é portador de um terrível segredo que irá reincendiar a mortal explosão de horror, carnificina e caos.

 

Critica: Penso que já o disse, mas se há coisa que mais detesto no mundo do cinema são as sequelas. Isto porque por norma o primeiro filme é bom e o seu sucessor um desastre dado que a maior parte das vezes o sucessor já não tem “ponta por onde se lhe pegue” uma vez que o primeiro já “gastou os cartuchos todos”.

 

É precisamente isto que acontece no 28 Semanas Depois.

 

O 28 Dias Depois não é uma obra-prima mas confesso que achei a sua piada ao dito e que até acabei por gostar de o ver uma vez que os Actores e Actrizes desempenham muito bem os seus papéis e a história cativa. Já o 28 Semanas Depois é o desastre total dado que desde muito cedo se preocupa com a violência gratuita em todos os aspectos e quem ao assiste percebe desde o primeiro segundo que tudo vai acabar mal.

 

Para mais quem não vir o primeiro filme não irá perceber absolutamente nada do que se passa no segundo. Daí que deixe aqui a minha recomendação para que assistam e desfrutem do 28 Dias Depois e se vos apetecer satisfazer a curiosidade vejam a sequela pois podem até gostar da dita cuja. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:19


Missão Impossível: Operação Fantasma

por Pedro Silva, em 23.12.13

Acção, Aventura (2011) - "Mission: Impossible - Ghost Protocol"

Realizador: Brad Bird 

Elenco: Tom Cruise, Jeremy Renner, Simon Pegg

 

Sinopse: Acusado do atentado terrorista ao Kremlin, o operacional do FMI Ethan Hunt é renegado bem como o resto da agência, quando o Presidente inicia a “Operação Fantasma". Sem recursos ou apoios, Ethan terá de encontrar uma forma de limpar o nome da agência e prevenir outro ataque. Para piorar a situação, Ethan é obrigado a embarcar nesta missão com uma equipa de colegas fugitivos do FMI, cujos motivos pessoais ele não conhece.

 

È notória a grande melhoria. Desde o tremendo barrete que foi o Missão Impossível 2 que o Realizador tem feito um grande esforço para que as sequelas fossem bem melhores, mas volta a fazer asneira.

 

Quem acompanhou a série MI nos anos 80 (como foi o meu caso) cedo se apercebeu que a principal componente desta residia no suspense. Quase tudo parecia correr mal mas acabava sempre bem. Contudo esta estratégia de tudo correr mal e acabar bem no final não estava sempre presente porque a certa altura aborrecia quem assistia à série.

 

Ora no Missão Impossível: Operação Fantasma o Realizador Brad Bird optou pelo tudo correr mal. Não há passo nenhum da equipa de Ethan Hunt que não seja necessário recorrer ao improviso. E o que é demais enjoa como é evidente! Provavelmente Brad Bird optou por este caminho no sentido de dar um tom cómico á coisa, mas levar a cabo tamanha ousadia num filme cuja génese nunca se baseou na comédia é o mesmo que dar um tiro de caçadeira no pé. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:00


Mais sobre mim

foto do autor


gatices


gatos no telhado


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Agosto 2019

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Futebol Clube do Porto


9 de Março de 1916

<<Por cada soldado, uma papoila

No a l'opressió d'Espanya!


Catalunya lliure!


Portugal é uma Democracia

13769388_930276537084514_2206584325834026150_n

Publicidade


Blog Rasurando

logo.jpg




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D