Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



FC Porto 2014/15, primeiras impressões

por Pedro Silva, em 18.07.15

imgS620I158488T20150718185315.jpg 

Segui com alguma atenção o MSV Duisburg 0 x FC Porto 2. E como qualquer jogo de preparação deu para que se retirasse notas positivas e negativas. Já conclusões... Isto é impossível nesta altura da época até porque está tudo ainda na fase da criação.

 

Este jogo de preparação deu para perceber que Julen Lopetegui está a tentar corrigir aquele que considerei ter sido um dos seus grandes erros. Acho muito bem que o Basco trabalhe arduamente um sistema alternativo ao habitual 4x3x3. O actual Plantel Azul e Branco têm Jogadores para tal e só mesmo a falta de sensatez e a “embirração” de certos Adeptos pode dizer que este é um caminho errado. Naturalmente que está tudo ainda muito “enferrujado” e tal notou-se na primeira parte onde os Azuis e Brancos apostaram num 4x4x2 com Bueno a apoiar o Ponta de Lança, Imbula e Danilo no melo campo com Varela e Tello nas faixas. Obviamente que estas coisas levam o seu tempo a ficarem como todos desejamos (o FC Porto jogou mal na primeira parte quando apostou no 4x4x2), mas o importante é não desistir da ideia e continuar a apostar nesta estratégia pois irão existir jogos onde vai ser preciso juntar as cartas, baralhar e voltar a dar para se vencer.

 

A nível dos Jogadores destaco pela positiva Imbula, Danilo Pereira, André André (que jogão fez o filho de André), Sérgio Oliveira e Aboubakar. Sou da opinião de que cada um destes Jogadores mostrou ao Treinador que pode continuar a contar com eles pois estarão dispostos a dar tudo por tudo. Alias, considero uma tremenda injustiça a desvalorização de Aboubakar… O Camaronês jogou muito bem de costas para a baliza adversária e foi ele, a par de Brahimi, o principal responsável da vitória Portista.

 

Yacine Brahimi voltou a mostrar que é um Jogador instável. Aprecio imenso as qualidades futebolísticas do Argelino e sou dos primeiros a “dar o corpo as balas” diante dos seus habituais detractores, mas Brahimi tem de ser mais regular pois nos jogos mais complicados rá para ele que “muita gente se vai virar” para que o problema se resolva, e o moço tem capacidade para resolver qualquer problema. Basta que ele queira.

 

Por último uma palavra para Casillas, Maxi e Ádrian. Iker ainda tem os “vícios” de Madrid (joga mal com os pés e a sair dos postes é uma desgraça) e tendo em consideração que o sistema da posse desde a defesa até ao ataque é para se manter será importante que Casillas comece a trabalhar intensamente para melhorar senão vai ser o “ai Jesus” no Dragão. Maxi não mostrou nada de mau nem de positivo (será preciso mais jogo para vermos em que ponto se encontra o Uruguaio). Já Ádrian López continua a demonstrar uma enorme falta de vontade em mostrar o que sabe ao serviço do FC Porto… Se Ádrian não mostrar mais empenho durante este estágio acho que Julen deveria solicitar á SAD Portista a transferência do Atleta pois só faz falta quem quer cá estar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:10


Cada vez mais Porto

por Pedro Silva, em 10.03.15

imgS620I151701T20150310213648.jpg 

Há uns tempos para cá tenho vindo a dar o mérito a Julen Lopetegui mas depois de ter visto este ”esmagamento” do Basileia tenho de lhe tirar o chapéu! Que grande jogo este que os Dragões levaram a cabo ante uns Suíços que mais pareciam o Atlético de Madrid de Simeone a jogar de tanta pancadaria que deram durante os 90 e poucos minutos.

 

Ter a posse de bola da forma que o Futebol Clube do Porto teve nesta partida faz todo o sentido. Deixou-se de lado o “joga para os lados e para trás” e agora avança-se no terreno com a bola nos pés e sempre que se pode remata-se à baliza. Daí hoje terem sido marcados excelentes golos que mais pareciam autênticas obras de arte!

 

Casemiro realizou um grande jogo. Excelente na recuperação da bola, de quando em vez fez um ou outro passe disparatado, marcou um golão de livre e ainda teve tempo para dar um enorme equilíbrio ao meio campo Azul e Branco. Se o Brasileiro continuar a jogar assim vai ser complicado o Real Madrid CF não o querer de volta.

 

Pela positiva destaco também o Camaronês Aboubakar. Não que tenha ficado surpreso com tal dado que já tinha percebido que o ponta de lança já tinha dado mostras da sua qualidade em jogos anteriores, mas ante o Basel de Paulo Sousa ficou demonstrada toda a qualidade deste Atleta cuja contratação não foi fácil. O Atleta, que parece um autêntico “Tanque”, joga muito bem de costas para a baliza o que é excelente tendo em consideração o estilo de jogo do actual Futebol Clube do Porto. Jackson Martinez faz muita falta, mas o Colombiano pode recuperar da sua lesão com a maior das tranquilidades porque o seu “suplente” está a dar conta do recado.

 

Quanto à defesa Azul e Branca não creio que esta tenha estado mal. Marcano mostrou serviço mas também teve um ou outro lance onde ia disparatando até que começou a jogar simples quando tinha de o fazer. O espanhol está a melhorar muito e parece entender-se bem com Maicon só lhe faltando perceber que nem sempre se pode sair da defesa a jogar. Às vezes mandar uma “estourada” para onde estiver virado é a melhor solução e alivia-se a pressão.

 

Ainda na defesa uma palavra de apreço para Danilo que saiu lesionado do campo e chegou-se a temer o pior… Não sou grande adepto do Brasileiro mas não lhe desejo mal algum. É um defesa importante da equipa Portista se bem que acho que Ricardo Pereira é bem melhor. Vamos a ver o que dirá o boletim clinico sobre Danilo.

 

E pronto, o Futebol Clube do Porto é já uma das melhores oito equipas Europeias da actualidade. Agora é manter a cabeça em cima dos ombros e não começar já a fazer a festa como se o Dragão já estivesse na Final de Berlim. Ainda há muito caminho para “palmilhar”, cada jogo é um jogo e agora os tais “Tubarões” vão começar a aparecer.

 

Venha o Arouca e que o SC Braga dê uma preciosa ajuda!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:29


Até que foi interessante

por Pedro Silva, em 30.12.14

imgS620I148245T20141230205252.jpg

Esta é aquela Competição onde Julen Lopetegui está como peixe em água. Isto porque a Taça da Liga e o seu formato ridículo e batoteiro retiram qualquer responsabilidade de quem se vê obrigado a disputar tal coisa. Para mais este ano os Clube abdicaram dos prémios em nome da recuperação financeira da Liga Portuguesa de Futebol. Como tal o Basco pode fazer os disparates que fez em Vila do Conde que ninguém leva a mal.

 

Olhemos então para o Rio Ave 0 x FC Porto 1.

 

O Rio ave apresentou um onze muito próximo do seu habitual. Já o Futebol Clube do Porto levou a cabo a “panca” habitual de rodar tudo e mais alguma coisa e entrou em campo com uma linha defensiva completamente nova e com ela vieram os naturais disparates defensivos que só não foram aproveitados pelos Vila-condenses por mera “azelhice”.

 

No meio campo Portista podemos dizer que reinou alguma normalidade. Quintero, Evandro e Casemiro já tinham levado a cabo alguns jogos em conjunto e a verdade seja dita que os disparates neste sector foram poucos. Aqui o ponto negativo está no facto de a equipa ter sempre, mas sempre, de ter de sair em posse para o ataque e quando pressionada vê-se obrigada a recorrer aos lances de bola longa, lances estes que parecem não estar ainda devidamente assimilados e treinados. Convêm só realçar que estamos a meio da Temporada e este problema não está ainda resolvido.

 

Teoricamente o ataque dos Dragões era composto por três elementos, mas na prática só dois deram “sinal de Vida” dado que o terceiro era um defesa do Rio Ave. Pergunto se porventura Ádrien López não suborna Lopetegui para que este o ponha a jogar porque o Jogador parece o Hélder Postiga. O Ataque do FC Porto viveu de Quaresma enquanto o Ciganito teve “pernas” e do poderio e oportunismo do brilhante Aboubakar.

 

E não, a culpa não é da juventude da equipa mas sim do Treinador que parece não saber preparar a sua equipa para as variantes que o jogo lhe oferece.

 

Resumindo e concluindo; o jogo no seu todo até que foi interessante e pode-se dizer que o Futebol Clube do Porto mereceu ganhar a partida, mas preocupa-me que certas malapatas continuem por resolver e que Lopetegui insista nos erros que lhe têm sido apontados ao longo dos últimos meses.

 

Venha o Gil Vicente já no próximo Sábado. E nesta deslocação a Barcelos é proibido perder pontos!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:03


Mais sobre mim

foto do autor


gatices


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Janeiro 2021

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Publicidade


Futebol Clube do Porto

<<

Dios falleció (RIP 25/11/2020)

<<


No a l'opressió d'Espanya!


Catalunya lliure!


Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D