Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O Exterminador do Futuro: Gênesis

por Pedro Silva, em 23.07.15

Exterminador do Futuro 5.jpg 

AcçãoFicção Científica (2015) - "Terminator Genisys"

Realizador:  Alan Taylor

Elenco: Arnold Schwarzenegger, Emilia Clarke, Jason Clarke, Jai Courtney, Dayo Okeniyi, Byung-hun Lee, J. K. Simmons, Matt Smith

 

Sinopse: John Connor (Jason Clarke), líder da resistência humana, envia o Sargento Kyle Reese (Jai Courtney) de volta para 1984 para proteger Sarah Connor (Emilia Clarke) e salvaguardar o futuro, mas uma mudança inesperada nos acontecimentos cria uma linha do tempo fragmentada. Agora, o Sargento Reese encontra-se numa nova e desconhecida versão do passado, onde ele encontra aliados improváveis, incluindo o Guardião (Arnold Schwarzenegger), novos e perigosos inimigos e uma missão inesperada: redefinir o futuro.

 

Critica: “Eu realmente não posso dizer isso. Os três filmes de ‘O Exterminador do Futuro’ que eu participei são muito diferentes e cada um tinha sua própria personalidade… e histórias interessantes”, revelou.” Arnold Schwarzenegger sobre o filme O Exterminador do Futuro: Gênesis.

 

Como eu não tenho o dever de ser politicamente correcto como o Actor e Político Schwarzenegger vou ser, de4sde já, curto e grosso: uma porcaria! O Exterminador do Futuro: Gênesis do Realizador Alan Taylor é das coisinhas mais terríveis que já alguma vez vi. Então se o comparáramos aos seus antecessores este filme (se é que lhe podemos dar o privilégio de o apelidar de filme) é pior do que um desastre nuclear.

 

Há coisas que não devem ser remexidas. Ou melhor, se vamos remexer algo que marcou pela positiva, e por mais do que uma vez, a história do cinema devemos faze-lo com um cuidado extremo sob pena de se criar algo completamente desastroso e humilhante. Efectivamente foi isto que Alan Taylor fez: humilhou o Mundo do Cinema e a saga do Exterminador.

 

O Exterminador do Futuro: Gênesis não tem argumento algum. Ou melhor tem um argumento, um que foi e4klaborado recorrendo ao famoso formato do corta e cola. Dito de outra forma, esta desastrosa produção assenta em recortes de filmes anteriores da saga numa espécie de baralha tudo o mais que puderes e depois atira com tudo á balda para o grande ecrã e o cinéfilo que faça por o perceber. Péssima forma de trabalhar para não dizer preguiçosa e presunçosa.

 

O elenco é das poucas coisas que se aproveita deste filme. Nota-se um tremendo esforço da parte dos actores para que o desastre não seja ainda maior do que aquele que naturalmente é, mas não fazem milagres e os seus desempenhos não retiram o título de enorme falhanço a este O Exterminador do Futuro: Gênesis.

 

Também não percebo por que razão a acção se desenrola quase toda à noite. Não havia orçamento para uma filmagem à luz do dia ou será que o seu Realizador gosta mais de filmar à luz dos holofotes?

 

Em suma não recomendo este filme. Ou melhor, recomendo o dito a quem gostar de ver pancadaria, tiros e explosões sem nexo e história alguma.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:51



Mais sobre mim

foto do autor


gatos no telhado


Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Mandela 1918 - 2013


Triste direit(ol)a


Frase do Ano


Portugal é uma Democracia

13769388_930276537084514_2206584325834026150_n

CR7 (Bola de Ouro 2016)


Publicidade




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D