Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Efectivamente há jogos assim

por Pedro Silva, em 14.11.15

imgS620I164723T20151114160156.jpg 

imagem de zerozero

 

È deveras complicado comentar um jogo de preparação. È verdade que os jogadores querem mostrar serviço ao Seleccionador até porque o EURO de França é já para o ano, mas há sempre aquela tentação de “tirar o pé” em certos lances pois uma lesão é sempre uma preocupação e os Campeonatos estão quase a entrar na sua fase decisiva.

 

Ora isto para dizer que a derrota Portuguesa em território Russo não é motivo de grande preocupação. Ou melhor, poderá haver alguma preocupação porque o meio campo Português não existiu durante os 90´ (e restante descontos) do jogo. E isto preocupa pois é mais do que certo que a nossa Selecção vá enfrentar equipas como a Rússia que optam pela apresentação de um meio campo reforçado e muito experiente. E há que dizer que já ante a França, também num jogo de preparação, colocou os mesmos problemas a Portugal (e, se não me engano, Cristiano Ronaldo jogou).

 

Pouco mais há a dizer senão que Portugal foi muito afortunado no que ao resultado final diz respeito. Bastava aos Russos pressionar um bocadinho mais e levavam o pânico à defesa Lusa. O maior “buraco” foi do lado direito da defesa Lusa dado que Cédric não tenha mãos a medir para travar os avançados Russos que desciam pelo seu corredor dado que o meio campo não defendia e Nani estava mais interessado e admirar as moças Russas da bancada.

 

Vamos a ver como vai estar Portugal no Luxemburgo. É esperado que a nossa Selecção vença o jogo com facilidade mas…

 

Chave do Jogo: A dita marcou presença mas não valeu de muito a Portugal. Foi mo minuto 18´do jogo que Portugal fez o primeiro remate á baliza defendida por Igor Akinfeev e foi a partir deste momento que os Lusos conseguiram equilibrar a partida e dar um “ar da sua graça”. Serviu de pouco pois na segunda parte Portugal voltou a baixar de produção e a ceder, cada vez mais, ao frio e metódico futebol do Leste.

 

Positivo: Rui Patrício esteve no seu melhor defendeu tudo o que podia defender. Foi muito por culpa de Patrício que a nossa Selecção não foi para o intervalo a perder. Este é o patrício que quero ver no EURO.

 

Negativo: uma equipa que diz querer conquistar o próximo Europeu de Selecções A não pode apresentar um meio campo que “desapareça” perante outro mais forte. Há que procurar soluções para um problema que já surgiu ante a Selecção Francesa e que poderá vir a ser um “amargo de boca” se Portugal chegar ao EURO 2016 sem soluções para o problema.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:30



Mais sobre mim

foto do autor


gatos no telhado


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Novembro 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930

Mandela 1918 - 2013


No a l'opressió d'Espanya!


Catalunya lliure!


Frase do Ano


Portugal é uma Democracia

13769388_930276537084514_2206584325834026150_n

CR7 (Bola de Ouro 2017)


Publicidade




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D