Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Ghost Rider

por Pedro Silva, em 31.03.14

Acção, Thriller (2007) - "Ghost Rider"

Realizador: Mark Steven Johnson 

Elenco: Nicolas Cage, Eva Mendes, Sam Elliott

 

Sinopse: Há muito tempo, Johnny Blaze (Nicolas Cage), famoso pelas suas proezas em cima de uma mota, vendeu a alma ao diabo para proteger aqueles que mais amava: o seu pai e "Roxanne" (Eva Mendes), sua namorada dos tempos de infância. Agora, o diabo veio buscar o que é seu. Durante o dia, Johnny é um acrobata sem medo...mas à noite, na presença do mal, ele torna-se o Ghost Rider, um implacável caçador de demónios fugitivos a soldo do senhor das trevas. Mas Johnny está decidido a enfrentar o seu destino e a usar os seus poderes e a maldição que o persegue para defender os inocentes.

 

Critica: Às vezes dá-me para isto e vejo filmes cujo único objectivo é o entretimento e nada mais. Para além disto gosto muito desta personagem da MARVEL e sou um admirador incondicional de quase todos os trabalhos de Nicolas Cage.

 

Ghost Rider não é uma obra-prima cinematográfica, a Actriz principal (Eva Mendes) vale mais pela sua beleza feminina do que pelo seu terrível desempenho no dito filme e a história é mais do mesmo, mas por vezes o nosso cérebro precisa de desanuviar e não há nada com um “filmezito“ para tal.

 

Recomendo o filme apesar de não ser nada de especial.

 

Já a sua sequela (Ghost Rider: Espírito de Vingança) não o recomendo a ninguém. Alias, não estamos bem a falar de uma sequela porque este filme não tem nada a ver com o anterior. Este segue um formato à BD (o que o estraga por completo), os Actores e Actrizes são quase sempre substituídos por personagens computorizadas, os cenários são terríveis e nada apelativos e a história desenrola-se sem nexo algum.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:25


Depois é que se lembram de correr

por Pedro Silva, em 30.03.14

Quando fiz a antevisão do Futebol Clube do Porto x CD Nacional escrevi o seguinte:

 

As equipas de Manuel Machado são complicadas de se defrontar. São sempre muito bem organizadas, trabalhadoras e valem sempre pelo colectivo. O CD Nacional joga assim e quando defronta um dos ditos “Grandes” do nosso Futebol então opta por uma perigosa postura defensiva.

 

Se quiserem vencer hoje os Portistas não devem de forma alguma iludir-se com acedência de terreno que os Nacionalistas vão fazer. O contra ataque da equipa da Pérola do Atlântico é muito venenoso e para mais os Azuis e Brancos vão ser forçados a entrar em campo com uma nova dupla de centrais, o que dificultará ainda mais a tarefa defensiva dos Dragões.

 

E também disse o seguinte:

 

(…) os avançados Mário Rondón e Candeias não são da melhor dupla de ataque do Campeonato mas se lhes derem espaço estes não perdem a oportunidade de marcar golo.

 

Eu que sou um “analfabeto futebolístico” sabia o que valia este Nacional. O Professor Luís Castro também. Já os Jogadores demoram a perceber o recado… Demoram 45 minutos a perceber o que tem de fazer em campo e insistem em fazer asneiras atrás de asneiras que depois custam caro aos Dragões.

 

Agora podem tapar o sol com a peneira, atirar com as culpas para o Árbitro e “atirar pedras” uns aos outros, mas a evidência está à vista de todos: o mal do actual FC Porto não é o Treinador mas sim certos elementos do Plantel que não querem estar na Invicta.

 

Eram dispensáveis as cenas ridículas de Ricardo Quaresma no final do jogo. Falha uma Grande Penalidade e no final ainda prejudica os Portistas com este tipo de atitude que lhe pode custar uma suspensão nos próximos jogos.

 

Uma nota final para pedir a renovação do contrato de Luís Castro. O Homem tem discurso, tem coragem e tem sabedoria táctica.

 

Venha o Sevilha e já agora com empenho total da parte dos Atletas Azuis e Brancos desde o primeiro minuto e não só na segunda parte.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:29


Caixa de Música: Fade to Black

por Pedro Silva, em 29.03.14

Banda: Metallica

Álbum: Ride the Lightning

Ano: 20 de Fevereiro e 14 de Março de 1984

LetraFade to Black

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:42


Cheira a terra queimada

por Pedro Silva, em 28.03.14

Na Segunda Guerra Mundial quando as tropas nazis do Ocidente da Europa foram obrigadas a recuar por força e graça dos Aliados, estes tomaram uma atitude radical que marcou pela negativa os Países Baixos. Os nazis eram apologistas da velha máxima de que se não há para mim também não há para ninguém e antes da retirada bombardeavam com uma violência atroz as cidades que ocuparam.

 

A este tipo de estratégia vingativa chama-se política da terra queimada. Ora esta história da terra queimada também se usa na política dos nossos dias.

 

Os cortes permanentes na despesa do Estado, o nunca mais voltarmos ao que eramos dantes, da reforma forçada da Segurança Social, da reforma do Estado, do aumento de impostos que é para se manter dê por onde der e outras tretas tais são reflexos de um Governo que já percebeu que vai ter de dar o sue lugar a António José Seguro e seus pares.

 

Só os papagaios que são associados do Clube PSD/CDS é que se fartam de berrar em tudo quanto é sítio que é tudo por obra e graça da famigerada Troika e que tudo tem de ser assim para o bem de todos nós, dado que no passado vivemos sempre numa riqueza fictícia (mesmo quando os Governos anteriores eram da mesma cor política e se meteram a contruis estádios e a comprar submarinos).

 

A armadilha está pronta e dê por onde der a vingança vai ser servida num prato frio. Já estou a imaginar o sucessor de passos Coelho na Bancada Parlamentar do Partido Social Democrata (na do CDS vai lá estar Paulo Portas porque lata o Homem tem que chegue) a tecer um vasto rol de críticas ao Sr. Ministro José Seguro porque este teve forçosamente de seguir determinadas políticas que jurou a +és juntos que nunca seguiria.

 

Sinceramente já estou farto deste jogo do gato e do rato. O cheiro a terra queimada já incomoda e depois da palhaçada de governação que estamos a aturar seria de bom-tom que as coisas mudassem para melhor, mas pedir seriedade ao Mundo Político Português é o mesmo que pedir aos Porcos que voem.

 

p.s. Para que não hajam aqui confusões, eu não estou a apelidar o PSD/CDS de nazis. Este tipo de gentinha mora lá para a Ucrânia e Câmaras Municipais de França. Cá pelo burgo, felizmente, ainda vão sendo uma microscópica minoria.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:54


O meu Anime (XXIX)

por Pedro Silva, em 27.03.14

Riruka Dokugamine (毒ヶ峰 リルカ, Dokugamine Riruka) - Série Bleach

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:33

Pág. 1/7



Mais sobre mim

foto do autor


gatos no telhado


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Março 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Mandela 1918 - 2013


Catalunya lliure. No a l'opressió d'Espanya


Frase do Ano


Portugal é uma Democracia

13769388_930276537084514_2206584325834026150_n

CR7 (Bola de Ouro 2016)


Publicidade



subscrever feeds


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D